Papel puxado, o que é? Vale a pena? - - Blog do Rikintosh -

NOVAS

sábado, 17 de março de 2018

Papel puxado, o que é? Vale a pena?


Bom, isso aí da foto é um "papel puxado".

Carros que tem apenas o papel puxado, tambem conhecido como prodesp, ou nada consta, são carros que não tem nenhum documento oficial, ou seja, não possui nem o recibo, nem o documento de rodar.

Este "papel puxado", só serve para o comprador ver a "procedencia" do carro, mas na verdade não tem valor nenhum. Nem pra policial, nem mesmo pra comprador, uma vez que o vendedor pode ter editado um no word. Esse "papel puxado" não é nada mais nada menos do que a pagina do ipva.fazenda.sp.gov.br, qualquer um que tenha em mãos o numero de renavam de um veiculo e a placa, pode fazer esta consulta, nós já ensinamos como fazer aqui. Ou, tambem pode anotar a placa, ir em qualquer despachante, e perguntar a procedencia. O despachante vai puxar a placa, imprimir esta folha, e atraves dela você obtem o renavam pra passar pros compradores consultarem. Geralmente o despachante não cobra nada pra verificar isso, a menos que você fique indo la direto aborrecer o cara.

Se um policial parar?

Vai levar o carro embora. Mesmo que o carro esteja e dia, isso não vale como documento, provavelmente o policial vai assoar o nariz nisso.

E pra que dessa porra então?

Bom, isso é meio que uma "tradição" dos roleiros de carros. Antigamente não existia internet, então o colega ia até o despachante, que "puxava" os dados do carro, imprimindo este papel, e isso virava o comprovante da procedencia do carro, que mesmo sem valor algum, é melhor do que apenas a conversinha do vendedor...

Porque o carro não tem documentos?

Bom, os motivos podem ser muitos, mas vou listar os mais comuns:

- O carro ficou parado com problemas mecanicos ou documentos atrasados por muitos anos, ai o documento fica rodando pela casa jogado, até que se perde.

- O carro pode ter sido de algum bagunceiro, o cara era desleixado, deixou no bolso da calça e a
mulher lavou, virando um monte de sucata de papel.

- O recibo é muito comum de perder, ja que a gente não roda com ele, e deixa naquela gaveta de papelada que a gente nunca abre. Um dia a vagabunda da sua mulher foi fazer uma arrumação na gaveta, e jogou a porra do recibo no lixo. Aí o carro fica só com o dut, vc vende, ficam rodando sem licenciar, e perdem o dut tb.

- O mais comum: Algum trouxa vende o carro parcelado naquelas de achar que recibo é comprovante de propriedade. Aí o acordo é "leva o carro mas só leva o recibo quando terminar de pagar", aí o cara some com o carro, e vc fica com o recibo, tenta botar combustivel no recibo e ver se anda! O cara que comprou, roda sem recibo, o cara vira só pra rodar, e vai passando de mão em mão, até que alguem perde o de rodar, aí o carro vira uma merda ambulante, pq ngm vai gastar dinheiro na porra de um carro que não tem documento...

E então, vale a pena? 

Depende da procedencia do carro, você precisa saber realmente o porque de não ter os documentos, va num despachante se tiver real interesse no veiculo, pede pra puxar o negativo do carro (provavelmente ele vai te cobrar, mas é bem mais minucioso), vai te informar se o carro não ta envolvido em processos juridicos, roubo, multas federais (em outros estados), etc... Lembre-se de pesquisar a placa e o renavam do carro no google. Geralmente quando tem processo em cima do carro, vai constar nos altos de algum processo, que provavelmente é PDF, e o google acha.


Adblock Detectado

Por favor, desabilite este blog no seu adblocker

Me ajude a continuar trazendo conteudo de qualidade para o blog

Muito obrigado, RIKINTOSH